Lonely Hearts Club - Elizabeth Eulberg:
Editora: Intrínseca
Número de páginas: 233
Classificação: 5/5

Resenha:
Eu não sei porque eu demorei tanto pra ler esse livro. Ele me surpreendeu totalmente. Não estava esperando nada dele, e bom, eu amei, muito muito muito *--*.

Penny Lane, depois de ser meio que traída por Nate, seu namorado de infância, por quem ela era apaixonada, resolve que para ela chega de garotos. Ela decide que nenhum garoto presta, exceto aqueles que nunca a decepcionaram, John, Paul, George e Ringo (os Beatles). E é graças a eles que ela tem a ideia de fundar o Lonely Hearts Club, um clube onde as meninas vão se juntar para mostrar que não precisam de um namorado para serem felizes. 

"Eu, Penny Lane Bloom, juro solenemente nunca mais namorar enquanto viver. Tudo bem, talvez eu reconsidere essa decisão em dez anos, ou algo assim, quando não estiver mais morando em Parkview, Illinois, nem frequentando a escola McKinley, mas, por hora, não quero mais saber de garotos. São todos a escória da humanidade, mentirosos e traidores. Sim, todos eles. A essência do mal. Claro que alguns parecem ser legais, mas, assim que conseguem o que querem, dão o fora em você e partem para o próximo alvo. Então, cansei. Chega de namorar. Fim."

Seu próprio nome é uma homenagem aos Beatles, grupo pelo qual seus pais são apaixonados. Penny encontra sua amiga, Tracy, na cafeteria, e depois de contar o que houve com o Nate, tenta falar para ela sobre o clube, mas Tracy não ouve, pois está muito preocupada com sua lista de garotos com quem ela quer namorar.

Na escola, Penny acha estranho que Diane, sua ex melhor amiga, resolve voltar a falar com ela do nada. Diane a abandonou depois que começou a namorar com Ryan no oitavo ano, e é mais um motivo que Penny tem para fundar o clube, pois está cansada de ser deixada de lado pelas amigas, que mudam totalmente quando começam a namorar.

Ela logo logo descobre o motivo dessa tentativa de reaproximação: Diane e Ryan terminaram. Fica com raiva de Diane, mas, depois de ouvir o que ela tem a dizer, acaba voltando a ser sua amiga, e Diane entra no Lonely Hearts Club. O clube logo vira um sucesso, pois existem muito mais garotas que estão cansadas dos garotos do que Penny imaginava.

Ao mesmo tempo, ela começa a passar mais tempo com Ryan na escola, e novos sentimentos começam a surgir, mas ela não admite nem para ela mesma, pois uma das principais regras do clube é não namorar.

Bom, a partir daí as coisas vão acontecendo, e quando você menos espera, o livro acaba. Sério, ele é ótimo, te envolve de um jeito que você acaba de ler e nem percebe. Eu adoro a Penny, ela é uma ótima narradora, não é bobinha, é forte e tal. A Diane, por mais que eu vi que muita gente não gosta dela, é, sem dúvidas, minha personagem favorita. Eu simplesmente adoro ela, é uma ótima amiga, e faz de tudo para ajudar a Penny. Eu não gosto tanto da Tracy, mas eu acho que eu sou a única, porque eu não achei mais ninguém que não gostasse dela. Sei lá, ela é legal, eu só não fui muito com a cara dela. E por fim, o Ryan é simplesmente perfeito *--*.

A capa é linda, a diagramação do livro é perfeita, a editora usou fontes diferentes para o início dos capítulos, e as citações em inglês ficaram lindas, talvez tenha alguns errinhos na escrita, mas eu nem percebi porque já estou me acostumando com isso, a maioria dos livros estão vindo com erros ultimamente.

A editora Intrínseca está de parabéns por esse livro, e a autora, Elizabeth Eulberg, apesar de o único livro que eu li dela ter sido esse, já é uma das minhas favoritas, eu com certeza vou procurar saber de outros livros dela.


10 Comentários

  1. Esse livro é simplesmente apaixonante. Eu nem sou fã de Beatles, mas ele me conquistou logo nas primeiras páginas.
    Chick-lit adolescente imperdível. A Intrínseca mandou mesmo muito bem com ele!

    Beijos xx

    ResponderExcluir
  2. Estava com muita muita vontade de ler esse livro. Acho a capa dele super fofa, e todos os comentarios sobre ele sao sempre os mesmos: simplesmente otimo.
    Achei super legal sua resenha, porem nao li ate o fim... kkk ganhei o livro hj e tou super ansiosa para ler, e meio que nao queria quebrar o clima de curiosidade. *-*
    Nao vejo a hora de ler logo ele...
    bjim

    ResponderExcluir
  3. Poxa, eu ia comprá-lo antes de ontem! Mas o livro A Guerra dos Tronos é muito mais grosso e muito mais legal. Não querendo desmerecer esse livro, mas uma boa história de fantasia supera qualquer Chick-lit. Apesar de lendo essa tua resenha me deu vontade de voltar no tempo e comprar os dois livros! Mas deixa, da próxima vez que for comprar livros ele vai estar na lista de necessidade (rsrsrsrs).
    Bjos.

    ResponderExcluir
  4. Ai ai ai parece ser legal o livro vou comprar pra ler.. Eu estou começando a ler Radiante parece ser muito legal.. Da uma passadinha no meu blog e siga-me adorei seu blog.
    kissus

    ResponderExcluir
  5. Já vi esse livro a algum tempo pelos blogs literários, mas não tinha lido resenha ainda. Adorei!
    Parece muuito divertido e, por mais que eu goste, é bom fugir das histórias sobrenaturais as vezes.

    ResponderExcluir
  6. Quando lemos um livro e nem nos damos conta de quando ele acaba, é pq é sinal que amamos.Eu não sou fã dos Beatles, mas tem uma música ou outra que acho legal.Desde a primeira vez que vi a frase no rodapé do livro, o interesse foi imediato.As vezes personagens bobinhas demais enchem nossa paciência..rs
    Não vejo a hora de ler este livro..

    ^^
    Ensaios de uma Leitura

    ResponderExcluir
  7. Olha sua resenha ficou boa eu já tinha lido resenhas desse livro e a sua me familiarizou mais com o livro. Eu ja tinha visto o livro na livraria mais não me chamou muito atenção mais agora sua resenha me deu sabor para ler esse livro gostei bem original.

    ResponderExcluir
  8. O livro me ganhou total por causa dos beatles. Talvez se não houvesse mensão a eles eu não estivesse gostando tanto (estou lendo agora), mas mesmo assim ainda estaria devorando-o. Com a sua resenha então, vou engoli-lo sem nem mastigar HAHAHA. Também amei a capa e o trabalho da editora com o livro, muito cuidadoso né? HEHE
    Bjsss

    ResponderExcluir
  9. Eu já tinha ouvido falar do livro, gostei da capa, do nome, mas não da sinopse.
    Depois que eu li a tua resenha fiquei louca de curiosidade pra ler, você da bastante informação sobre o livro, mas não se aprofunda muito nisso e me fez ficar louca pra ler. lol
    Bjss

    ResponderExcluir
  10. Nossa. Eu quase comprei esse livro em um Sebo a um ano atrás... Mas acabei deixando-o para levar Diário de Uma Paixão.. Depois fiquei com aquela sensação de que fiz coisa errada mais nunca mais fui atrás de comprar o livro.. Resultado: Você acabou de me fazer ver que eu fiz errado :// devia ter levado!! Ai que do jeito que tu colocou pareceu tão legal! Tinha visto umas resenhas negativas sobre ele antes, mas a sua me fez ficar com vontade de ler *-*

    Assim que eu puder já vou comprar.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.